C E R B E R U S

by DRIVEOUT

/
  • Streaming + Download

    Includes high-quality download in MP3, FLAC and more. Paying supporters also get unlimited streaming via the free Bandcamp app.

      name your price

     

1.
2.
04:16
3.
03:25
4.
04:25
5.
05:18
6.
03:57
7.
01:07
8.
04:24
9.
08:49

about

OUÇA ALTO!

credits

released December 21, 2012

Gravado no Estúdio Voz entre Outubro de 2011 e Julho de 2012 por Vinícius D'Luca e Cássio Zambotto;
Mixado e Masterizado por Cássio Zambotto na C@sa do C@r@lho;
Produzido por Vinícius D'Luca e Coproduzido por Cássio Zambotto;
Guitarras em todas as faixas exceto faixas 1, 5, 7 e 8 por Paulo Henrique Capovilla.
Baixos em todas as faixas exceto faixas 5, 7 e 8 por Jael Barbosa.
Participação nos coros da Faixa 2: João Rebouças, Felipe Gembroso, João Pedro, Matheus Brito, João Augusto e Paulo Henrique Capovilla.

tags

license

all rights reserved

about

driveout Natal, Brazil

contact / help

Contact driveout

Streaming and
Download help

Track Name: De Onde Paramos (Um Pouco Diferente Pra Não Cair No Marasmo)
Eu esperava mais do que apenas se entregar
Eu sei
o quanto é difícil pra você se sentir especial

Não dá pra desistir de uma imagem tão bonita
talvez pra refletir por toda sua incompetência
Track Name: Motim
Não foram motivos, apenas vontade
Eu sempre soube que iria piorar
Sou eu por você e Deus contra todos nós
apenas aditivos pra continuar

e sempre vou te ajudar
eu sei vai ser melhor assim
é cada coisa no lugar
até o fim

Você tem que resistir mais uma vez
Eu sei, eu vou me sabotar
Não foi por falta de tentar
nosso presente sempre foi
ignorância, ostracismo
e aptidão para errar

e sempre vou te ajudar
eu sei vai ser melhor assim
é cada coisa no lugar
até o fim

E aqui estamos nós, esse sempre foi o plano:
Sobreviver.
Nossa força vem da vontade de mudar e tentar
atingir onde você errou.

continuar tentando alcançar
o que ninguém nunca pensou
Nós vamos gritar
até nos faltar voz (Nós vamos fazer um motim)
Track Name: Lacuna Inc.
eu tentei dizer, avisar e esquecer
só um brilho pode apagar

Amanhã eu quero acordar
não deixe nada que me faça lembrar
se esquecer foi meu remédio,
também vai ser minha maldição
só um suspiro pode destruir (minha condição)

eu vou dar mais um passo e tentar não cair
e o que restou foi um aviso dizendo pra não entrar
eu sou uma lembrança morta querendo reviver
(por voce)

alguém vai conseguir me ouvir se eu gritar com os meus pulmões?
eu sempre quis te apagar mas como uma assombração você voltou pra tirar meu sono

x

(Eu sempre quis te apagar
mas você insiste em sempre voltar, em atormentar o meu sono)
todos os dias eu rezo pra poder te esquecer
e me amaldiçôo por acordar ainda
querendo mais e mais e mais.
Track Name: Ataxia
Eu também tentei
mudar o mundo é sempre tão fácil (mas eu cresci)
quando se pode esperar por alguém
é efêmero pensar,
tudo se destrói com o andar da carruagem
nós vamos parar

Eu não vou dizer, eu apenas espero
e o relógio me grita
Eu sinto desaparecer, não me desespero
e deixo o barulho me guiar.

dia ótimo para desperdiçar
aqui deitado (vá e se entregue)
eu não podia escolher um lugar melhor
pra me entregar
Track Name: Concreto
eu não quis morrer nesse tráfego
e atrapalhar o seu tempo
nunca foi a minha intenção
ser mais um estorvo

já me perdi tantas ás vezes
nem lembro a última que olhei em um rosto
não me lembro quando deixei para lá
eu acho que ninguém me avisou

e essa construção não traz mais o brilho
que eu tanto lembrava
e todas as falhas espalhadas pelo concreto

eu vou na contramão procurando o impacto
deixando a vela queimar
olhando pro sol e esperando a manhã chegar

e essa construção não traz mais o brilho
que eu tanto lembrava
e todas as falhas espalhadas pelo concreto

prédios e pistas
carros e luzes
poeira e algumas árvores
fumaça entrando em meus pulmões
grito, barulho, medo e sangue

e você gritando que não que não
vai agüentar aqui do meu lado
eu só espero poder entender quando alguém me explicar

e essa construção não traz mais o brilho
que eu tanto lembrava
e todas as falhas espalhadas pelo concreto
Track Name: Dialeto
cada passo de uma vez
sacrifique tudo agora
será muito melhor quando partir

Eu perdi tudo que eu tinha
e me trancaram aqui,
nessas paredes brancas
eu só espero sobreviver

eu sei que eu minto, eu sinto
parece que o dia
não me espera eu tento
passar por cada hora

eu não entendo nunca o que tentam me falar
é um dialeto tão estranho ou será eu?
o azul ou o branco tanto faz
eu espero que faça efeito


Eu sei que eu minto (eu minto muito)
Eu sinto (eu sinto muito)

Eu sempre minto pra esconder
Todo vazio que ficou aqui
Antes de preencher
com o veneno que você deixou.
Track Name: Medula
vinte quatro por sete
espere na sala, aguarde o recibo
e assine aqui
Ousar é reprimir
tentar se encaixar

nós apenas respiramos
Seguir o formulário,
respostas ensaiadas
Busque o extrato

respire fundo
o mês já vai acabar
tome mais um café
e não espere por ninguém

Tente mais uma vez
só querem te cansar
opacidade controlada
não deu pra explicar
Track Name: Arranha-Céu
Eu tenho que admitir
não esperava nada acontecer
Eu já me acostumei e me entreguei
ao naufragar
Deixa a alma queimar, eu me libertar
e tentar chegar onde você nunca foi

Não vou dizer sol me cega mais uma vez (eu tentei viver assim)
Não vou dizer o sol me cega mais uma vez (e eu tentei salvar você)

Aqui fora tudo parece bem melhor
minha escuridão me fez perceber
que o meu destino chegou ao fim
Eu sei que é difícil aceitar

vai sempre existir alguém no seu lugar
melhor e mais feroz

Não vou dizer sol me cega mais uma vez (eu tentei viver assim)
Não vou dizer o sol me cega mais uma vez (e eu tentei salvar você)